Proteção de restinga na Praia Brava, Florianópolis, no dia 11 de março de 2018. Esta proteção foi feita pela primeira vez no verão de 2015 com a intenção de preservar a vegetação. A área foi isolada com estacas e fita sinalizadora para evitar a passagem de pessoas e uso irregular do local. Com o passar do tempo, alguns vizinhos passaram a ajudar a manter a intervenção. No inverno de 2017 aconteceu a alta da maré no litoral catarinense, cujos prejuízos nesta área da Praia Brava foram amenizados pela presença das plantas (fotos abaixo). Na foto ao lado, um registro da situação atual da área protegida.




O local depois da alta da maré